Resenha do Livro Bridd - As Cartas Não Recebidas!!!!




O Cantinho, dessa vez, se envolveu em uma aventura, escondido dentro de uma carroça!!!!!!

E, nas terras do povoado de Bridd eu fui parar. Como estavam convocando, inspirado na valentia de nossos amigos, assumi a missão de ser um mensageiro!!!!!

E hoje eu trago, as Cartas de Bridd, endereçadas aos Leitores do Cantinho. Venham se encantar com essa história!!!!!!!

Livro: Bridd - As Cartas Não Recebidas
Autora: Bruna Lara
Páginas:224
 


Sinopse:

No pacífico povoado de Bridd vivia Heron, um menino sonhador, cujo maior desejo era visitar o lendário reino de Galladem. Com o estouro de uma intensa guerra entre galladênios e os temidos bárbaros xavênios, o menino encontrou a oportunidade perfeita para fugir rumo ao reino tão sonhado. Porém, com o início das batalhas, mensageiros não mais partiam... Cartas não eram entregues. Que consequências isso traria? O que o destino reservava para Heron?


Leiam as cartas na Resenha!!!!!!!!!


RESENHA: BRIDDAS CARTAS NÃO RECEBIDAS
Uma Carta para Bridd....

Estamos todos em formação à espera do nosso destino
Naquele silêncio que antecede o fim
Quando o medo se torna real
Eu não sei se vou voltar
Mas eu quero que você veja

Além das Montanhas do Dó Maior
Existe um Reino Encantado
Ao cruzar a divisa que o separa do resto da Grande Ilha,
Já é possível ouvir
O doce som dos famosos músicos de Galledon
Que a todos contagiam com suas boas vindas

Ao nos aproximar, somos recebidos com festa
E seduzidos pelo perfume dos vastos campos de lavanda
Um lugar aonde se vive do fruto que brota da terra
Governado pelo Justo Rei Galder
Amado por seu povo

Uma promessa de vida pela qual vale a pena lutar

Falta pouco agora
O exército inimigo avança para o leste
Ameaçando a paz de nossas pacatas vilas
Mas não é tarde demais

É chegada a hora
Todos nós perseguimos o mesmo sonho
Sigam-me bravos guerreiros eu vou mostrar o caminho
Precisamos reagir, pois ele está vindo, posso sentir
E se a ajuda não chegar, assim mesmo iremos lutar
Vou guia-los na jornada que irá nos libertar

Pela manhã, quando estiver lendo essa carta
Lembre-se dos nomes
Daqueles que defenderam com honra e lealdade o seu futuro
Espero estar ao seu lado quando a abrir
Mas se eu não conseguir
Cante meus grandes feitos de batalha
Junto aos músicos de Galledon!!!!



As marcas da guerra, que já dura anos, ainda estavam lá. A imagem da fumaça branca saindo das chaminés, liberando um aroma acolhedor, para o marido que voltava da lida, deu lugar aos gritos de seus familiares e vizinhos que ardiam nas labaredas das tochas.

Foram surpreendidos, não houve tempo de pedir ajuda. Eram mulheres e crianças, ninguém foi poupado. Aos homens foi negado o direito de proteger sua própria família.

Hoje, os risos altos das crianças brincando no pátio e a felicidade dos moradores da Vila de Dunstan, nos bailes, cedeu lugar para o uivo do vento, arrastando a poeira e as folhas secas pelo chão, em um cenário totalmente abandonado.

Na época, os poucos que escaparam desse destino cruel, fugiram e conseguiram abrigo nas vilas mais próximas.

E é, em uma dessas pequenas vilas, que nossa história começa: na Vila de Bridd!!!!!

Um ancião chamado Isaac é acusado de um crime muito grave e banido de vez de Bridd. Que crime terá ele cometido? Será ele inocente ou realmente culpado?

Lerigan, O Impiedoso, Rei da Xavênia, derrotou Galder, Rei de Galladem. E agora avança com seu exército para conquistar toda a Grande Ilha. Promete destruir os vilarejos de Bridd, Venn e Stor que estão no seu caminho.

um líder corajoso e de coração puro o suficiente para se sacrificar em nome de todos, poderia salvá-los. Existiria tal pessoa?

É quando um menino retorna para sua Terra Natal depois de muitos anos na batalha. Seu nome? Heron. O que o destino teria lhe reservado?

O Cantinho Abre o Coração:

Eu acho que todos já sabem que eu sou uma apaixonada por cartas!!!. Quando vi essa palavra mágica no título do livro, meus olhos brilharam!!!. Eu tinha que ler. Vocês vão achar estranho o que irei dizer agora, mas é a pura verdade, quando lerem, vão me dar razão.

Já nas primeiras páginas dessa história, me deparei com uma animação do Wall Disney!!! Eu não estou brincando!!! Eu sei que o tema do enredo é pesado, mas a narrativa é encantadora!!!!!!

Durante a leitura, em alguns momentos, inclusive, eu consegui imaginar aqueles personagens dançando e cantando!!!!!!

A autora, através de uma linguagem formal e simples, ao mesmo tempo, atendendo ao público juvenil e seduzindo o público mais adulto, transporta os leitores para as páginas do livro e os convida a participar de um combate iminente.

Foi o que prendeu minha atenção do início ao fim. A história se destaca desde o início, pois já começa em um cenário de guerra e na primeira página apresenta Heron, que chega arrasado de uma batalha que resistiu por anos, mas que enfim, conheceu a derrota.

E mesmo cansado, está disposto a continuar, por isso vem clamar por ajuda: sua terra natal é o próximo alvo.

Sabe aquele sentimento de pertencer a um povo? De fazer parte de sua identidade? De ter raízes em um lugar? Valores que nós não encontramos nos dias atuais e tão pouco poderemos entender.

Mas que Tibelius junto a Heron,Thomas, Élden, Heitor, Sirdigas, Jordan, Adir Otto, Lonios (líder de Stor) e Norton (líder de Venn), nos farão sentir quando atenderem ao chamado para protegerem seus lares e seus herdeiros.

E, como em um conto de fadas, eis que Heron surge em seu cavalo branco, chamado Símar, e se apaixona por Alicia, dona de longos cabelos dourados trançados.

Aqui a autora foi perfeita: soube apresentar esse amor na dosagem certa. A princípio, o colocou em segundo plano e no momento certo, ele floresce e toma seu lugar de direito.

Ponto Alto do Livro:

Sem dúvida nenhuma, o tom utilizado por ela. Fiquei impressionada. Um olhar mais sensível irá perceber a história crescendo gradativamente. Um acontecimento leva a outro, ela lhe conduz como se fosse um quebra cabeças: as peças vão se encaixando.

E quando ela acha que você está pronto, ela aumenta o tom e lhe surpreende com uma reviravolta: um segredo é revelado e Heron precisa rapidamente decidir quem ele quer ser.

Na hora lembrei-me de um filme que gostei muito:


Um bom homem define um círculo a sua volta e cuida dos que estão dentro deste círculo: Sua mulher, seus filhos. Outros definem um círculo maior e incluem nele seus irmãos e irmãs. Mas alguns homens tem um grande destino. Eles devem definir a sua volta um círculo que inclui muitas, muitas mais pessoas”. (Frase do filme 10.000 AC)



E o tom aumenta mais um pouco: o tão esperado momento encontra nossos guerreiros. Não há mais como adiar. Com uma linda mensagem de união, amizade, lealdade e acima de tudo, coragem, a autora nos brinda com a descrição desse embate.

E quando tudo chega ao fim, e você está pronto para fechar o livro, ela coloca no tom máximo e lhe tira o chão: as cartas não recebidas são entregues!!!

 Venham abrir as Cartas de Bridd e se emocionar!!!!

Era uma vez o Reino de Galladem....
 

que estava correndo risco, pois na Baixa Floresta, o inimigo se aproximava.....


Mas o rei Mauricio de Bridd não acreditou.......


e os bárbaros da Xavênia o povo enfrentou.....


As vilas vizinhas vieram ajudar.....


E todos juntos puderam comemorar!!!!!

 

E, no final, Heron e Alicia viveram felizes para sempre!!!!!


*Imagens Retiradas do Google Imagens

Book Trailler:  




Leia o primeiro capítulo aqui


Contato: 
Facebook / Skobb/

25 comentários

  1. A-do-rei, Cila! A mensagem do livro foi captada de forma tão poética! Muito obrigada! A resenha ficou encantadora e certamente é motivo de grande incentivo para próximas obras. Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Bruna,
      tudo bem?
      Adorei o seu livro!!!! Não pare de escrever!!!! Como disse, encantadora é a história. Fico feliz que tenha gostado, o cantinho torce pelo seu sucesso e está com as portas abertas para você.
      beijinhos.
      Cila-leitora voraz

      Excluir
  2. Oie,
    hahaha eu não conhecia o livro, mas adorei sua resenha.
    Ficou tão boa!!!!

    bjos

    http://blog.vanessasueroz.com.br

    ResponderExcluir
  3. Geeente! Que resenha animada! Não tem nem como não desejar o livro depois dela!
    Por essas imagens da disney é golpe baixo, considerando que sou viciada! Já quero hahahaha
    Beijos
    http://www.interacaoliteraria.com/

    ResponderExcluir
  4. Oiee ^^
    Não conhecia esse livro, mas também não senti curiosidade de lê-lo. Nossa, você gostou mesmo dele hein? São raras as vezes em que fazemos uma resenha tão animada sobre um livro, né?rsrs'
    MilkMilks
    DM
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. Oie, adorei a resenha! Você escreveu e deixou quem lê com vontade de conhecer mais o livro.
    Beijos!
    http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Às vezes tenho a impressão de que só venho aqui para dizer que não conheço o livro e o autora o.O
    Adorei a resenha, super animada e incentiva a leitura.

    bjos e desculpa o sumiço
    Pah - Lendo e Escrevendo

    ResponderExcluir
  7. Eu já li e também adorei! É um livro muito bonito e encantador. A Bruna tem muito talento, além de ser um doce de pessoa.

    E, Cila, suas resenhas são verdadeiras obras de arte, e estão cada vez melhores.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Samuel,
      tudo em?
      Adoro receber sua visita, fico muito feliz quando aparece por aqui. Você é um amor de pessoa!!! Obrigada pelo elogio, que bom que gosta de minhas resenhas. Tenho muito carinho com os livros que leio e se alguém gosta do que escrevo, o mérito é todo do livro que me inspira.
      beijinhos.
      cila-leitora voraz

      Excluir
  8. Não conhecia o livro, mas fiquei muito interessada em ler. Parece ser um livro fantástico.

    Beijos.

    http://livrosleituraseafins.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Adorei a sua resenha! Apesar de não ser o meu gênero de leitura favorito, me senti totalmente convencida a ler. Parece uma aventura totalmente diferente das vendidas no mercado literário. E essas cartas? Adorei mesmo.

    Beijos,
    biblioteca-de-resenhas.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  10. Oieee, tudo bom?
    Nossa, eu ainda não conhecia o livro, mas fiquei encantada com a história, e fiquei extremamente encantada com a forma que tu escreveu essa resenha. COm todas essas informações, as ilustrações, ficou perfeito. Quero muito ler esse livro, parece tão envolvente, lindo *-*
    Obrigada pela dica.

    Beijocas,
    paixaoliteraria.com

    ResponderExcluir
  11. oi Cila, adorei a resenha, principalmente sua comparação com as histórias da Disney. Eu também já li o livro, e também adorei a história e narração. E foi legal ver o vocabulário mais formal que a Bruna utilizou, para dar o tom certo ao livro.
    muito bom mesmo
    beijos
    http://meumundinhoficticio.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  12. Oii! Guria, adoro suas resenhas, são sempre dinâmicas e envolventes.
    Li esses dias sobre o livro, e sua resenha só me deixou mais afim de lê-lo!
    beijão
    apenas-um-vicio.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  13. Oi Cila, você tem um jeitinho tão gostoso de fazer uma resenha!
    Acho muito legal o lance dos versos que você faz, e a maneira como você consegue nos transportar para a história que leu.
    Adorei a resenha. Bjus
    Lia Christo
    www.docesletras.com.br

    ResponderExcluir
  14. Minha flor, como pensei, essa obra parece muito legal! E a sua resenha, mais uma vez, me fez apaixonar... <333 Gosto muito do jeito como você expressa suas impressões dos livros. Eu também adoro cartas e acho que a autora consegue emocionar os leitores nessa história tão triste (a mim, pareceu triste com todo esse massacre pelas guerras). Quero conferir!
    Beijos, flor.

    www.myqueenside.blogspot.com

    ResponderExcluir
  15. Oieee, parabéns pela resenha maravilhosa!!! Como sempre sua resenha deixa a gente com uma pulga atrás da orelha em relação aos livros kkkk, basta ler sua resenha para ficar com vontade de ler o livro kkkk, amei as imagens e achei o livro encantador, apesar de não ter gostado da capa, fiquei com vontade de ler, rs

    Abraços

    ResponderExcluir
  16. Que resenha mais rica, Cila. Se conseguisse chegar pelo menos em 10% de toda essa maestria, já ficaria contente, rs.
    Não conhecia o livro, mas vou atrás de mais informações nos sites que você deixou no final da resenha!

    Beijo

    ResponderExcluir
  17. Tão fofa a capa do livro!! *-* Que legal que mesmo com o tema pesado você conseguiu até imaginar as personagens dançando e cantando! Amo livros que encantam. É bem gratificante quando o autor (no caso a autora... rs...) sabe conduzir a gente pela história e fazê-la crescer no momento certo, né? Quero ler!

    Beijo!

    Ju
    Entre Palcos e Livros

    ResponderExcluir
  18. Oi,
    Não conhecia o livro, mas que resenha hein, com detalhes preciosos e um jeito todo especial com a obra, mesmo sendo um tema um tanto pesado você conseguiu imaginar além de tudo o que viu na história.
    Com toda certeza vou procurar mais a respeito do dele e quem sabe será uma das minhas leituras desse ano.
    Beijos

    Mari - Stories And Advice

    ResponderExcluir
  19. Oie Cila
    EU conheci esse livro recentemente e estou muito ansiosa para leitura.
    Fico feliz que tenha gostado do livro e já adicionei na minha lista de desejados. Eu gosto de livros assim, que faz a gente se encanta pela história e por tudo que ela represente. Parabéns pela resenha.


    Beijos,
    Jéssica
    www.leitorasempre.com

    ResponderExcluir
  20. Olá
    Não conhecia esse livro, mas achei a premissa tão bacana e a capa também tem alguma coisa que me chamou a atenção (acho que foi essa carruagem). Gosto muito de coisas do passado!
    Parabéns pela resenha xD

    Abraços!
    www.umomt.com

    ResponderExcluir
  21. Oi Cila Linda!
    Logo o seu comecinho já me conquistou, quando eu vi já tinha lido a resenha toda!
    ''As marcas da guerra, que já dura anos, ainda estavam lá. A imagem da fumaça branca saindo das chaminés, liberando um aroma acolhedor, para o marido que voltava da lida, deu lugar aos gritos de seus familiares e vizinhos que ardiam nas labaredas das tochas. ''
    Muito gostosa e parece mesmo ser um livro bonito e sensível! Adorei a forma que escreveu e as imagens que separou!
    Beijos

    ResponderExcluir
  22. QUe resenha empolgada! Eu fiquei curiosa qd vi sua divulgação do livro, e me parece que vou gostar muito da leitura! Não so pelo estilo Disney, mas pela forma como vc descreveu a desenvoltura da autora! No minimo, ja decorei o nome e a capa, para ficar mais atenta às promoções! Parabens pela resenha, esta linda e completa! =D

    ResponderExcluir
  23. Olá Cila!
    Não conhecia a autora e nem o livro, mas infelizmente a história não me atraiu.
    Sua resenha está linda como sempre!
    Beijinhos

    ResponderExcluir